analogia infeliz

Quanto mais se tenta explicar que o presidente Lula *nada sabia* das manobras ilícitas em seu partido e em seu governo, pior a coisa fica. Veja só o que diz o jornalista Franklin Martins em entrevista à Carta Maior:

CM – Além de “maior escândalo de corrupção”, havia a história de se Lula sabia ou não…

FM – Olha, nesse caso, eu uso o exemplo do pai que pergunta para a mãe sobre a filha. A mãe responde: “Ela está com o namorado, trancada no quarto há horas e não quer sair”. O pai sabe exatamente o que se passa lá dentro? Não, mas pode supor. Com Lula aconteceu parecido…

Como pai de uma filha de 24 anos e de outra de 12 anos, eu agiria diferente em cada caso. De forma que não entendi o que o ex-comentarista político da Globo quis dizer. Mesmo assim, em qualquer dos casos, seria uma questão familiar, íntima, e não de manejo de recursos públicos (dinheiro, votos, apoios) para se manter no poder.

Um pai não precisa (muitas vezes nem pode) ser bonzinho, muito menos omisso, para ser um verdadeiro pai. Já um presidente, parece, quanto mais omisso e fingindo de tonto melhor. Caminha para a reeleição. Ridículos, comentarista e comentado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s