das tags à web semântica

Mais um livro de trabalho entrando na fila de espera, enquanto viajo na história, na ficção e na linguagem com Mia Couto em O outro pé da sereia:

“A viagem não começa quando se percorrem as distâncias, mas quando se atravessam as nossas fronteiras interiores.”

..^..

ailton feitosaPrometido para chegar às livrarias este mês, o livro de Ailton Feitosa trata do desafio de organizar a informação na web. Até aí, é mais um título na prateleira. Me interessa é ver como ele encaminha a proposta do subtítulo das tags à web semântica, pois é onde reside um dos maiores nós dessa empreitada.

Tags, para quem não sabe, são palavras com as quais a gente categoriza posts, documentos, sites, sem grandes preocupações hierárquicas.

São uma forma popular de semi-estruturar as informações, mas são muito abertas, polissêmicas, para responder aos atuais propósitos da web semântica.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s