rebola bola: paixão pelo futebol

rebola bolaMesmo quem não curte futebol ou, como eu, já curtiu e desencanou, não pode se afirmar desafetado pelo esporte, por tudo o que ele representa e interfere na cultura, na política e na economia nacional e mundial.

Assim, não é estranho que cientistas sociais, antropólogos, historiadores e outros estudiosos se dediquem ao fenômeno futebol, compondo novas e interessantes visões no último Dossiê ComCiência. O texto que mais gostei trata do despertar e da canalização da paixão pelo futebol, e das gozações e expressões de preconceitos que ela traz à tona.

brasil x argentina “O futebol permite, em certa medida, uma desculpa para ser preconceituoso sem ser tão politicamente incorreto. É como se o futebol criasse uma espécie de exceção, em que pode-se falar tudo, porque, no fim, é só futebol”, assinala o antopólogo Renó Machado. O texto comenta o destempero irônico vazado pela imprensa entre alemães e italianos, bem mais divertido e estiloso do que as manjadas tiradas entre brasileiros e argentinos.

Posts antigos sobre o tema:

-> a graça do futebol

-> caixinha de surpresas

3 pensamentos sobre “rebola bola: paixão pelo futebol

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s